Pesquisar
Contato
Fone : (15) 3033-1234 / 3018-3499
Whatsapp (15)99611-5575 (Vivo) Enviar Whatsapp
Rua Bernardo Guimarães , 105 , conjunto 907 – Torre Care da Boulevard Alavanca
Jardim Vergueiro, Sorocaba, SP
Pré-agendamento Consulta Online
Oferecido pela Doctoralia
Pesquisar

Peeling de ácido retinoico

Peeling de Ácido Retinoico

Peeling de Ácido Retinoico

O peeling é um método utilizado para tratamento das alterações da pele. A intenção é acelerar o processo de renovação celular à partir das camadas mais profundas da pele ao mesmo tempo em que elimina as camadas mais superficiais , envelhecidas. A pele é dinâmica, viva, é um órgão em constante renovação. Todos os dias células novas são produzidas e outras são eliminadas. Mas com o passar dos anos diminuem a velocidade de renovação das células.
O peeling de ácido retinoico requer de três a seis sessões e pode ser usado em sardas, melasmas, manchas pós-acne, sardas escuras e brancas. O rosto descama por alguns dias, mas a descamação pode ser disfarçada com cremes hidratantes.  Quem já realizou peeling com dermatologista , percebe que seu resultado é superior a cremes de “rejuvenescimento” amplamente vendido em revistas de catálogos, com custo similar.

O ácido retinoico é um retinoide, derivado da vitamina A, causa proliferação epidérmica e neocolagênese ,  possui aspecto amarelado e na nossa clínica é misturado com base próximo a cor da pele para melhor cosmética, sua aplicação deve ser homogênea em todo o rosto e permanecer por 6 a 12 horas, quando deve ser lavado em casa.

A indicação é a questão mais importante na realização deste peeling químico e cabe ao médico dermatologista, com sua experiência, analisar o tipo de pele, o tipo de lesão e o procedimento a ser utilizado.
O protocolo a ser realizado varia conforme o biotipo de pele da paciente e o problema apresentado (acne , manchas solares e/ou manchas pós inflamatorias)

O paciente, por sua vez, deve entender o processo, conhecer seus passos, limitações, duração da recuperação e ter uma expectativa real do resultado esperado. Os pacientes de pele clara (louros, morenos-claro) são os que tem menor risco de hiperpigmentação ou hipopigmentação, mas as de pele morena também podem ser submetidas a esses procedimentos, porém o preparo da pele deve ser mais longo e os cuidados posteriores maiores. Outro fator importante da realização com profissional médico dermatologista habilitado, já tratamos alguns casos oriundos de clínicas de estética em que a mancha foi piorada com seu respectivo “tratamento”.

Os cuidados pós peeling são principalmente fotoproteção e hidratação , produtos variam de acordo com cada pele do paciente e são orientados e prescritos pelo médico dermatologista.
A pele do rosto, devido à presença maior de folículos sebáceos, se regenera facilmente, pois esses folículos agem como unidades de reserva importante essencial para a cicatrização.